Skip to main content

O tema sustentabilidade tem sido uma preocupação constante na atualidade, visto que as empresas têm buscado adotar estratégias que garantam otimizar os recursos disponíveis. Além do mais, essas ações têm como objetivo reduzir o desperdício de insumos e gases poluentes na atmosfera, o que resulta na união de dois fatores cruciais: a eficiência operacional e a consciência ambiental. 

Neste contexto, a logística sustentável é uma das formas encontradas para promover a responsabilidade socioambiental no setor de transporte de cargas. Isso porque, é fundamental entender os impactos gerados por esta atividade no meio ambiente e na sociedade, a fim de desenvolver práticas sociais nos negócios que visem a preservação da natureza. 

Logo, compreender o que é logística sustentável e seus fundamentos é o primeiro passo para as empresas que buscam implementar ações sustentáveis e que desejam garantir uma imagem positiva perante aos clientes e parceiros. 

Diante do exposto, para entender melhor sobre este assunto, a seguir, a Loggup explica o que é a logística sustentável e porque as empresas têm adotado essa estratégia. Confira:

O que é logística sustentável?

Primeiramente, a logística é responsável por atividades relacionadas ao armazenamento, distribuição e transporte de insumos e mercadorias. Com isso, ela garante o bom funcionamento da empresa por meio da execução eficiente destas tarefas, no intuito de que ocorram dentro do prazo estabelecido e com a maior redução de custos possível.

A sustentabilidade nada mais é do que os processos e atividades que atendem as demandas das gerações atuais sem comprometer a disponibilidade de recursos das gerações futuras. Isto significa dizer que o processo sustentável é aquele que causa o mínimo impacto social e ambiental na sua execução, e em casos de danos, o mesmo será reparado. 

Dado isso, à logística sustentável, tem a mesma função e responsabilidade da tradicional, porém, com sua principal característica direcionada para a sustentabilidade. Sendo então definida como modelo que contribui para o equilíbrio ecológico, tanto em relação à execução das atividades da própria logística, como também de toda operação de uma empresa.

Desse modo, a logística sustentável surgiu como modo de otimizar o uso dos recursos necessários para realização das operações logísticas, ao mesmo tempo respeitando o meio ambiente e a sociedade em que a organização está inserida. Assim, a adoção de práticas relacionadas a este conceito, é uma estratégia de crescimento e otimização de recursos que estão diretamente ligados aos resultados dos negócios. 

Qual a importância da logística sustentável?

Muitas empresas têm implementado a logística sustentável devido aos benefícios que ela traz à organização. No geral, ocorre por exemplo, a redução de custos, uma vez que são reaproveitados insumos e recursos que antes eram descartados pela empresa. Dentre essas maneiras de reaproveitamento, destaca-se o lixo seco como papel e papelão que são reciclados e utilizados em diversas áreas internas da empresa. 

Vale ressaltar que a logística sustentável ajuda na conquista e fidelização dos clientes, sendo isso então considerado uma vantagem competitiva considerável. Pois, segundo a pesquisa “Perfil do consumidor – consumo consciente”, realizada pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), 30% dos entrevistados disseram que escolhem itens sustentáveis mesmo que sejam mais caros.

Além disso, 38% dos consumidores checam se um produto foi produzido de um modo ecologicamente correto antes de comprá-lo. E 62% deixaram de adquirir produtos de uma marca que pratica crimes ambientais. Ou seja, diante desses números fica evidente o quanto a adoção da logística sustentável é importante para as empresas. 

Os princípios dessa prática

O principal fundamento da logística sustentável é o alcance de metas e o estímulo do crescimento, mas, sem esquecer da economia de recursos e da redução de poluentes no meio ambiente.

Para isso, é necessário que as empresas realizem estudos, planejamentos e tracem estratégias que tenham como objetivo a implementação da consciência ambiental nos processos internos e no comportamento dos colaboradores. Com isso, os gestores dão treinamentos, palestras e analisam constantemente se os setores estão devidamente alinhados com a sustentabilidade. 

Para entender melhor, um artigo publicado no site da Harvard Business Review constatou que produtos sustentáveis crescem, em vendas, 5,6 vezes mais do que os não sustentáveis. 

Ademais, no príncipio fundamental da logística sustentável, estão ações como:

  • Análise do ciclo de vida do produto;
  • Adoção do consumo consciente;
  • Coleta seletiva;
  • Cumprimento das exigências dos  certificados International Organization for Standardization (ISO);
  • Uso de embalagens biodegradáveis;
  • Participação em fóruns, eventos e entidades que incentivam práticas sustentáveis.

 

Formas de implementação da logística sustentável

Há diversas formas de logística sustentável que são implementadas nos processos das empresas de transporte de cargas. Os quais entre as principais podemos destacar:

Logística Reversa

As obrigações das empresas com seus produtos não terminam quando eles chegam nas mãos dos clientes. Em razão de que, além da disponibilização de suporte técnico e do atendimento pós-venda, também são responsáveis pelos resíduos gerados após o ciclo de vida do material. Ou seja, todo produto descartado pelo consumidor também é um compromisso do fornecedor.

Sendo assim, a logística reversa é um procedimento que propicia a aplicação dessa responsabilidade, onde torna a empresa capaz de recuperar este produto após o fim do seu ciclo de vida. 

Otimização de rotas e ocupação dos veículos

Para diminuir o desperdício de recursos e o impacto ambiental gerado pela atividade de transporte, as empresas do setor logístico podem adotar planejamento de rotas e cargas mais efetivas. A partir da ocupação mais inteligente dos veículos e a redução no consumo de combustível. 

Desta forma, é primordial a otimização de rotas e ocupação dos veículos, já que em um mesmo percurso permite que vários pedidos sejam entregues. Por consequência, adquire-se uma ação estratégica de sustentabilidade por meio da redução de CO2 no meio ambiente, como também diminui as despesas e torna toda operação logística ainda mais eficiente. 

Manutenção preventiva dos veículos

A manutenção preventiva dos veículos e demais componentes é imprescindível para que as operações sejam realizadas conforme o esperado e ao mesmo tempo, garanta a redução na emissão de gases poluentes. Dado que, os veículos que não passam por manutenções periódicas apresentam defeitos, elevam a emissão de gases e causam prejuízos como aumento no consumo de combustível. 

Redução de embalagens

É possível reduzir o uso de embalagens através de um sistema de reaproveitamento ou coleta. Neste sentido, essa prática é efetuada com auxílio dos próprios consumidores, basta apenas disponibilizar a opção de recolhimento das embalagens no momento da entrega. E assim, a empresa utiliza a mesma embalagem para proteger várias mercadorias. 

Outra alternativa interessante, é gerar descontos nas próximas compras para clientes que comprovarem as entregas de embalagens em cooperativas. 

Fontes de energias renováveis

Uma logística sustentável certamente conta com a utilização de fontes de energias renováveis. Só para exemplificar, o uso de veículos elétricos abastecidos por painéis fotovoltaicos minimizam a emissão de gases que prejudicam o meio ambiente e ainda assegura independência energética para as atividades de transporte. 

Como implementar a logística sustentável na sua empresa?

O primeiro ponto a ser considerado para implementação da logística sustentável em uma empresa, é a produção de um plano de logística sustentável engajado com os objetivos estratégicos dos negócios. 

Em função disso, as diretrizes a serem seguidas irão minimizar os impactos socioambientais das atividades logísticas, especialmente de transporte. Além de garantir a sustentabilidade financeira da operação, respeitando o caixa disponível e racionalizando o uso de recursos.

Na produção do plano da logística sustentável é essencial que descreva como todos os processos logísticos são feitos atualmente. Para que então possa entender como serão modernizados e adaptados visando fatores como redução do gasto energético, otimização do uso da água, minimização da geração de resíduos e outros. 

Com o plano definido, o próximo passo é estabelecer um cronograma de como e quando essas mudanças serão implementadas e os mecanismos adotados para mensurar a efetividade dessa operação. 

Portanto, a logística sustentável trata-se da adoção de boas práticas e técnicas inovadoras que auxiliam as empresas a inserirem ações de sustentabilidade em seus processos. Por conseguinte, além de garantir maior preservação ambiental, adquire-se resultados positivos para os negócios e uma boa reputação com clientes e parceiros. 

A Loggup, especialista em transformação digital para transportadoras e operadores logísticos, com sua expertise e reconhecido trabalho de qualidade ajuda as empresas a serem encontradas pelos seus potenciais clientes, lhes oferece vantagem competitiva e presença nos canais digitais, promove a maximização de seus faturamentos, além de promover a cultura de inovação, maior credibilidade e visibilidade para as marcas, e claro, redução de custos.

Quer receber mais dicas, entre em contato conosco e conheça nossas soluções!

Linkedin

Instagram

Facebook

Youtube

Leave a Reply