Logística 4.0

sexta-feira, setembro 2019

Dicas para aquisição de softwares para logística 4.0

 

O objetivo deste conteúdo é ajudá-lo na seleção de um fornecedor de TMS ou ERP, estamos há mais de 10 anos ajudando transportadoras de cargas nesta necessidade, preparamos seis dicas valiosas!

Tenho mesmo que contratar uma nova solução?

Você não leu errado, é isso mesmo, muitas empresas não estão conseguindo utilizar a solução atual em sua totalidade e podemos te assegurar: “O futuro fornecedor não irá te dizer isso”. Portanto é importante que antes da tomada dessa decisão, avalie se realmente o seu fornecedor atual não é mais estratégico para o seu negócio.

Controle seus instintos

Regra número um: Seja questionador, antes da decisão de compra entenda se de fato esta tomando a melhor decisão, nós como seres humanos, temos instintos naturais “por desejo em comprar”, muitas das vezes a ansiedade conduz ao fracasso, no entanto sempre se questione se esta aquisição é necessária ou se esta com o desejo em comprar “um brinquedo novo” Atenção: As consequências podem ser fatais!

Como identificar a melhor solução?

Estamos há mais de dez anos apoiando embarcadores e transportadoras de cargas na seleção e implantação de soluções logísticas,por experiência acreditamos que não existe solução perfeita, existe a solução que melhor atende ás nossas necessidades e expectativas, nossa sugestão é que avalie o quanto este fornecedor esta disposto a customizar suas soluções para lhe atender, em outras palavras: Avalie se sua empresa “será mais um na fila do pão” ou se terá uma ferramenta desenhada para o seu negócio, afinal: solução adequada é aquela que trarão diferenciais competitivos, economia, lucratividade e qualidade nos serviços prestados aos clientes.

Software na WEB ou local?

Senão tivéssemos tomado os devidos cuidados estaríamos até hoje utilizando o vídeo cassete de 10 cabeças, locando filme na locadora por clube de assinatura e enviando “e-mail” através de cartas. Minha visão é que mais cedo ou mais tarde 100% dos fornecedores de softwares logísticos terão que adequar suas soluções para atender através da WEB, em miúdo “Cloud computing” já faz parte da qualificação de compliance e boas práticas de mercado, quem já percebeu esta tendência certamente já se enquadrou. Nossa dica é que não faça nenhuma bobagem, crie um planejamento para adequar seu negócio para esta nova realidade.

Gestão de projetos em logística

De acordo com o nosso estudo, evidenciamos que as empresas principalmente do setor de transporte de cargas, nem se quer fazem ideia deste tema tão importante para a estratégia global do setor de logística. De acordo com o Project Management Body of Knowledge (PMBOK): Existem cinco grupos de processos do gerenciamento de projetos (Início, Planejamento, Execução, Monitoramento/Controle e Encerramento) e dez áreas de conhecimento: (Integração, Escopo, Custos, Qualidade, Aquisições, Recursos humanos, Comunicações, Risco, tempo e partes interessadas). Ao todo são 47 processos do gerenciamento de projetos que tem como viés tornar a concretização de um objetivo. Sugerimos que valorize este tema, para empresas que adquiriram essas habilidades, estão fazendo a diferença no mercado, muitos projetos fracassam infelizmente porque estamos atuando no famoso “jeitinho brasileiro” não adianta contratar uma solução que trará inovação senão criarmos um planejamento e principalmente um plano para mitigarmos os riscos e consequentemente atingir o objetivo!

Planejar a longo prazo

Notamos que as empresas no momento em que estão desenhando suas necessidades junto à uma nova solução, pensam apenas no momento atual, muitas das vezes a solução vencedora atende em demasia o cenário atual, porém ao terem que se envergarem para atender uma nova demanda de mercado ou até mesmo uma nova necessidade de seus clientes, a resposta do fornecedor é a seguinte: “Não contemplamos essa necessidade na fase inicial da parceria, este não é o nosso core” talvez não seja necessário te dizer o que acontece por aí em diante, terá que ir ao mercado novamente, readequar a sua nova realidade, viver momentos conturbados e em muitos casos: perder para seu principal concorrente. Portando foque não apenas nas necessidades atuais, junto com o seu time desenhe um cenário futuro e entenda se o possível fornecedor terá flexibilidade para se adequar a essas mudanças.

Poderia-mos escrever um livro de sugestões para te ajudar a não fracassar ou evitar o dissabor em eleger um fornecedor desqualificado, mas para não tornar este artigo cansativo, vamos ficar por aqui e esperamos que estas informações te ajude de alguma forma. Boa sorte!

Quer receber mais dicas gratuitamente?

Cadastre-se para receber informações privilegiadas e levar
sua transportadora a comunidade digital

O blog Loggup ajuda centenas de transportadoras de cargas através de dicas práticas em transformação digital.

Copyriht © 2019 Loggup Logistic Group. Todos os direitos reservados.
Feito com pelo time da Loggup